Poemas
Procura
Como hei de procurar a perfeição

Porque a procuro

Nela está a felicidade, infinita

Faz sentido procurar uma coisa inexistente

Noutra que não existe

Ou existe, em parte

O que nos faz buscar mais

Horríveis nessa tarefa

Simplesmente catastróficos

Mas melhorando, aos poucos

Até nos cansarmos

Até sucumbirmos

Até ao até

O fim
 
Diogo Curto @ 07-06-2020 19:19:55
Comentários
Ainda não existem comentários neste texto. Seja o(a) primeiro(a) a fazer um!