Poemas
E Foste Embora
Severa, foste para mim diferente, Como és tanto agora e estás a ser, Porque o que era dito por toda a gente, Apenas disseste p?ra eu esquecer. Dentro de mim que me queima este quente, Que está dentro de mim sempre a ferver, Tu apenas esfriaste calmamente, Dizendo que isto se ia resolver. Pois meu bem, olha que não resolveu, E foste tu talvez por isso embora, Matando em mim o que quase nasceu. E o que é que há-de ser de mim agora, Tudo o que encontro aqui é meu, só ficou teu cheiro, dentro e por fora.
 
Agostinho_Lavrado @ 01-04-2006 0:00:00
Comentários
Ainda não existem comentários neste texto. Seja o(a) primeiro(a) a fazer um!